Fazendo um fogareiro de Parafina



Saudações, campistas!

Basicamente há dois tipos de campistas: os que cozinham no próprio camping (não vale o churrasco!) e os que preferem fazer suas refeições num restaurante próximo. Estes últimos - nos quais eu me enquadro - nem sempre carregam as tralhas de cozinha,  como panelas, fogão portátil etc. Ainda que você sempre planeje suas acampadas em locais onde há restaurantes, pelo menos (eu) não consigo acordar de manhã sem um bom café preto - e por isso levo sempre meu fogão e o bule do café.

Porém, dependendo do lugar que escolhemos, é impossível fazer suas refeições em restaurantes, simplesmente porque eles não existem. E como nossos fogareiros a gás tem seu combustível limitado, se o planejamento não for bem feito ou se acontecer algo que obrigue que a acampada seja estendida, é provável que o combustível acabe antes que seu estoque de comida.

Pensando nessas emergências, acho interessante ter uma outra opção - um backup - que permita que você prepare algum alimento sem o uso do fogareiro à gás.
Bastante utilizado pelos Escoteiros, o modelo de fogareiro que veremos é feito com uma lata de atum, papelão e parafina. Se quiser um fogo mais forte, use também parafina líquida (tem vários nomes: vaselina líquida, parafina líquida, óleo mineral... Prefira os encontrados em farmácias: são mais caros, mas o produto é puro e o fogo não crepita).

Mãos à obra!

Separe uma lata de atum vazia. Na verdade o fogareiro pode ser feito em qualquer recipiente (lata de sardinha, de ervilhas etc); porém, lembre-se de que seu diâmetro não deve ser maior que o fundo da panela, na verdade, deve ser menor. Isso evita que o fogo corra pelas laterais da panela, estragando o cabo. Sem contar que o fogo nas laterais é desperdício de combustível.



Corte o papelão em tiras uns 2 ou 3 mm mais baixo que a altura da lata; Enrole o papelão e coloque-o dentro da lata. Você vai precisar de quantas tiras bastem para preencher toda a lata, deixando o mais apertado possível dentro dela. Faça uma tira um pouco mais alta, de modo que fique uns 5 mm acima da borda da lata. Esta tira não deve ser a primeira e nem a última: a intenção é que funcione como um pavio, mais ou menos no meio do caminho entre a borda e o centro da lata.
 
Fica mais ou menos assim...

 
Agora que o papelão está enrolado dentro da lata, vamos aos próximos passos. Se você preferir, derrame um pouco de parafina líquida no papelão, deixando-o úmido. Quando achar que está bem úmido, vire o fogareiro de cabeça para baixo para retirar qualquer excesso que tenha se acumulado no fundo da lata.

Feito isso, derreta a parafina numa panela velha: ficará inutilizável para cozinhar. Pode ser a mesma panela que você usou para derreter a parafina para fazer os acendedores caseiros para fogueira ou churrasqueira. Cuidado ao fazer isso: a parafina é inflamável. Se usar fogão à gás, coloque a panela em banho-maria. Se usar fogão elétrico, pode colocar a panela direto sobre a fonte de calor. Lembre-se que a parafina se torna líquida a temperaturas baixas, em torno de 60, 70 graus. Use fogo baixo.

Derrame a parafina derretida com cuidado sobre o fogareiro, até a boca. Deixe esfriar e retire qualquer resíduo de parafina que tenha escorrido para fora da lata. Está pronto seu fogareiro!

Para fazê-lo acender, acenda aquela tira de papelão que ficou mais alta. Em alguns segundos o calor será suficiente para acender toda a área da lata.
Pequeno, imperecível, à prova d'água (a parafina impede que o papelão molhe), este tipo de fogareiro não ocupa espaço e pode deve ser levado sempre nas suas acampadas. Ele dura cerca de uma hora (se feito também com parafina líquida), sendo que 45 minutos com fogo alto, como na foto.

Sua desvantagem é a fuligem típica da queima da parafina: o fundo da panela vai ficar muito preto... Para retirar mais facilmente, esfregue barro nas partes que ficaram pretas antes de lavar a panela; vai ficar como nova.Espero que tenha gostado!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Objetivando a salubridade das páginas deste blog, todos os comentários serão moderados antes de serem incluídos.